Para inspirar jovens e desmistificar a ciência, ministro dá início à 16ª SNCT

Com o tema “Bioeconomia: Diversidade e Riqueza para o Desenvolvimento Sustentável”, evento tem atividades em todo o Brasil até o dia 27 de outubro
por ASCOM - publicado 22/10/2019 12h06. Última modificação 22/10/2019 13h05.

CGCS/MCTIC

CGCS/MCTIC

Para inspirar jovens e desmistificar a ciência, ministro dá início à 16ª SNCT

A 16ª Semana Nacional de Ciência e Tecnologia (SNCT) iniciou nesta segunda-feira (21) milhares de atividades em todo o Brasil para aproximar crianças, jovens e adultos da ciência e tecnologia. Na cerimônia de abertura do evento, realizada no Pavilhão de Exposições do Parque da Cidade, em Brasília, o ministro da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, Marcos Pontes, destacou que o objetivo da iniciativa é desmistificar a ciência e gerar inspiração para as novas gerações.
“Um evento como esse traz a ciência para próximo das pessoas de maneira desmistificada, para derrubar aquela ideia de que ciência é algo que ninguém entende. Aqui a gente tem a possibilidade de as pessoas verem a ciência e tecnologia como parte do seu dia a dia. Eu espero que muitas escolas visitem os estandes, onde essas crianças e jovens vão ter inspiração para sua escolha para o futuro”, destacou.


O ministro também revelou que o tema da SNCT para o ano que vem será Inteligência Artificial. “Nós estamos nos preparando para fazer o lançamento de oito laboratórios de inteligência artificial no Brasil. Sendo um deles focado na fronteira de inteligência artificial e segurança cibernética e sete deles de IA aplicada ao agronegócio, à saúde, a cidades inteligentes. Então ‘Inteligência Artificial: a Nova Fronteira da Ciência Brasileira’ será nosso tema”, disse.


Desenho vencedor

Desenho vencedor

 

A cerimônia contou também com o lançamento de um selo personalizado e um carimbo comemorativo dos Correios, feitos especialmente para a 16ª SNCT

A cerimônia contou também com o lançamento de um selo personalizado e um carimbo comemorativo dos Correios, feitos especialmente para a 16ª SNCT, além de uma homenagem ao jovem Victor Fellipe Souza Silva, vencedor do concurso de desenhos que elegeu a identidade visual da 16ª SNCT. O aluno entregou uma caixa cheia de cartas de estudantes da Escola Municipal Clóvis Guerra, de Anápolis (GO), convidando o ministro Marcos Pontes a visitar a instituição.
Vitor tem 13 anos e está no 7º ano. Ele conta que a vitória no concurso marcou sua vida e que a escola onde estuda tem várias iniciativas que promovem o contato com a ciência. “Isso é muito incentivado na minha escola, tanto que ela é referência em Anápolis. Sempre tem algum projeto, iniciativas com foguetes da Olimpíada Brasileira de Astronomia (OBA), feiras de ciências também”, conta. Para o futuro ele pretende trabalhar com design automotivo.


Parcerias

ParceriasParcerias


Em Brasília, o evento principal da SNCT acontece no Pavilhão de Exposições do Parque da Cidade. A entrada é franca e o evento vai até 27 de outubro. São mais de 180 expositores em 21 mil m2, incluindo outros ministérios e as unidades de pesquisa e organizações sociais vinculadas ao MCTIC.
Gilvan Máximo, presidente do Conselho Nacional de Secretários para Assuntos de Ciência, Tecnologia e Inovação (Consecti), representando o governador do Distrito Federal, destacou a parceria entre o MCTIC e o GDF na promoção do evento. “No início do ano, o ministro Marcos Pontes e o governador Ibaneis Rocha decidiram juntar forças para levar à frente o projeto da SNCT. Este ano teremos 25 exposições de instituições de Ciência e Tecnologia do DF. Temos exposições, oficinas, laboratórios de robótica e o projeto do carro elétrico, que é o primeiro programa de carros elétricos compartilhados do mundo”, detalhou.
Para o ministro da Saúde, Henrique Mandetta, a ciência e a tecnologia têm mostrado novos caminhos, como os tratamentos por meio da terapia de precisão. Por isso, é necessário inserir os jovens na ciência para que eles desenvolverem novas soluções no futuro. “Precisamos despertar o interesse dos jovens na ciência, o desejo da pergunta, do questionamento, o olhar para achar soluções para um país que tem um dos maiores desafios, que é dar saúde a todos como direito e dever do Estado”, afirmou.


O senador Major Olímpio (PSL/SP) destacou que as iniciativas do governo visam o crescimento do país e um legado para as novas gerações. “Temos aqui a presença dos nossos ministros porque a ciência, tecnologia e inovação estarão sempre dando suporte às demais áreas para o crescimento do país com sustentabilidade. Nós lutamos hoje por um Brasil para que a juventude tenha uma condição muito melhor do que a que temos hoje”.
Para o secretário-executivo do Ministério do Desenvolvimento Regional, Mauro Biancamano, a ideia da pasta é levar para a população temas que estão ligados à geração de renda e sustentabilidade. “O MDR trabalha aqui com temas de forma lúdica com o objetivo de trazer crianças e jovens em torno das atividades produtivas, geradoras de emprego e renda que valorizam a criatividade, a atitude científica e a inovação para temas como o desenvolvimento regional urbano, as rotas de integração nacional, fruticultura, reciclagem e uso de resíduos sólidos”, detalhou.

SNCT 2019


O tema escolhido para esta edição da SNCT é “Bioeconomia: Diversidade e Riqueza para o Desenvolvimento Sustentável”. O evento conta com milhares de atividades realizadas por todo o país, com o objetivo de popularizar a ciência e motivar crianças e jovens para a prática científica.
A Semana é realizada pelo MCTIC em parceria com secretarias estaduais e municipais, agências de fomento, espaços científico-culturais, instituições de ensino e pesquisa, sociedades científicas, escolas, órgãos governamentais, empresas de base tecnológica e entidades da sociedade civil de todo o país.
Estabelecida por decreto em 2004, a Semana Nacional de Ciência e Tecnologia tem o objetivo de aproximar a ciência e a tecnologia da população. A ideia é criar uma linguagem acessível, com soluções criativas que estimulem a curiosidade e motivem a população a discutir as implicações sociais da ciência e aprofundarem seus conhecimentos sobre o tema.

Confira a programação da 16ª SNCT no site https://snct.mctic.gov.br/

Voltar ao topo