MCTIC assina acordo para expandir iniciativas de inclusão digital e melhorar gestão municipal

Acordo firmado com Parque Tecnológico Itaipu promove a revitalização e o acompanhamento dos pontos de inclusão digital na região.
por ASCOM - publicado 06/11/2018 18h16. Última modificação 06/11/2018 18h18.
MCTIC assina acordo para expandir iniciativas de inclusão digital e melhorar gestão municipal

Ministro assina acordo de cooperação com Parque Tecnológico Itaipu em Foz do Iguaçu. Foto: Ascom/MCTIC

O ministro da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC), Gilberto Kassab, participou nesta terça-feira (6), em Foz do Iguaçu (PR), da assinatura de acordo de cooperação com o Parque Tecnológico Itaipu (PTI) para expandir iniciativas de inclusão digital e implementar um aplicativo de gestão municipal em cidades da região. O objetivo é promover a revitalização e o acompanhamento dos pontos de inclusão digital (PIDs), integrando programas e projetos desenvolvidos pelo MCTIC, como Governo Eletrônico – Serviço de Atendimento ao Cidadão (Gesac) e Cidades Digitais, com foco em comunidades em situação de vulnerabilidade social. 

Para o ministro Gilberto Kassab, o acordo tem potencial para gerar uma “iniciativa de longo prazo entre Itaipu e o MCTIC no sentido de criar softwares que possam efetivamente ajudar a melhorar a qualidade e a eficiência da gestão nos municípios brasileiros”.

“Essa é a razão dessa parceria, não apenas nesse primeiro projeto, mas também de outros que seguirão,” afirmou.

Criado em 2003, o PTI surgiu a partir da ampliação da missão da Itaipu Binacional, que, além de reforçar a geração de energia com qualidade, incorporou ações em seu planejamento estratégico para impulsionar o desenvolvimento econômico, turístico e tecnológico no Brasil e Paraguai.

O diretor do Departamento de Inclusão Digital da Secretaria de Telecomunicações do MCTIC, Américo Bernardes, lembrou que a assinatura do acordo é a conclusão de um esforço de quase cinco anos. “Este projeto está vinculado a um outro projeto do ministério, que é garantir a conectividade de populações nos municípios e também aquelas populações que vivem fora da sede do munícipio.”

“Trata-se de um enorme avanço. Trata-se de permitir o acesso dos cidadãos aos mecanismos de gestão permitindo que desfrutem efetivamente dessas melhorias,” reiterou Kassab.

Em parceria com o Instituto de Tecnologia Aplicada e Inovação (Itai) e com a Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste), a Itaipu articulou a implantação de um ambiente apropriado para o desenvolvimento tecnológico. “Estamos falando de inclusão digital e estamos devolvendo à sociedade”, destacou o diretor-geral de Itaipu Marcos Stamm.

Voltar ao topo