Em websérie, pesquisadores do Instituto Mamirauá apresentam estudos com peixe-boi

É o que retrata o segundo episódio da série lançada em comemoração ao Dia da Amazônia, em 5 de setembro.
por ASCOM - publicado 12/09/2018 16h41. Última modificação 12/09/2018 16h43.
Em websérie, pesquisadores do Instituto Mamirauá apresentam estudos com peixe-boi

Pesquisadores do Instituto Mamirauá falam sobre estudos com peixe-boi. Foto: Instituto Mamirauá

No segundo episódio da websérie “Peixe-boi - guardião das águas amazônicas”, pesquisadores do Instituto Mamirauá explicam como e por que são feitos estudos com a espécie. “Quanto mais você conhecer os aspectos ecológicos e biológicos do peixe-boi, mais informações você tem para criar estratégias e subsidiar a conservação”, afirma a pesquisadora Camila de Carvalho.

Clique aqui para assistir ao segundo episódio.

O vídeo mostra a pesquisa com telemetria – técnica utilizada pelas equipes de campo, que permite o monitoramento à distância, por meio da instalação de cintos transmissores nos animais.

A websérie foi lançada em 5 de setembro em comemoração ao Dia da Amazônia. Com três episódios, retrata a interação entre o peixe-boi amazônico (Trichechus inunguis), as comunidades ribeirinhas e pesquisadores do Instituto Mamirauá, que, além de estudarem e monitorarem os animais, promovem ações de conscientização com a população regional sobre a importância da conservação da espécie.

Com apoio da Fundação Grupo Boticário de Proteção à Natureza, o projeto foi produzido com tecnologia de ponta para as filmagens, com o uso de drones e câmeras subaquáticas, na Reserva de Desenvolvimento Sustentável Amanã, no estado do Amazonas.

O conteúdo será publicado nas páginas de Facebook e Youtube do Instituto Mamirauá.

Voltar ao topo