Mobilização da comunidade científica é fundamental para garantir recursos, diz ministro

Gilberto Kassab participou das comemorações pelos 47 anos da unidade do Inpe em Cachoeira Paulista (SP).
por ASCOM - publicado 26/09/2017 15h00. Última modificação 17/05/2019 16h17.
Mobilização da comunidade científica é fundamental para garantir recursos, diz ministro

Gilberto Kassab conheceu as instalações do Inpe em Cachoeira Paulista (SP). Foto: Ascom/MCTIC

Na cerimônia em comemoração pelos 47 anos da unidade de Cachoeira Paulista (SP) do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), o ministro da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) defendeu a ampla mobilização da comunidade científica para garantir recursos para a ciência. “Durante 20 anos, não teremos recursos novos ou extraordinários no nosso país”, disse Kassab em referência à Lei do Teto de Gastos.

“Sempre que frequento uma comunidade de excelência, digo que, se não nos mobilizarmos, não vamos ter recursos. É fundamental definir com clareza o papel da ciência, da pesquisa e da inovação no nosso país. Porque tem esse teto, em que vamos brigar com todas as outras áreas do governo, que também são importantes. E ganha quem se mobilizar melhor”, advertiu o ministro.

Kassab ressaltou que o investimento em pesquisa e desenvolvimento é parte importante para recuperar a economia brasileira, que já vem dando sinais de melhora. Um dos meios para ampliar esse crescimento é o investimento no setor, como fez a Coreia do Sul no passado.

“Com a crise econômica, não há país no mundo que não tenha dado um destaque a esse setor depois que passou por um momento de dificuldades. Temos a Coreia do Sul, que, em pouco tempo, com investimentos nesse setor, conseguiu solucionar os seus graves problemas econômicos e, hoje, é um exemplo para todo o mundo. E não tem porque o Brasil não ter a mesma conduta e, com certeza, ter os mesmos resultados.”

Referência mundial

O ministro também destacou o trabalho desenvolvido pelo Inpe. “No campo da meteorologia e das outras atividades aqui realizadas, o Inpe tem uma ação de excelência, reconhecida em todos os cantos do planeta. E precisamos daquilo que aqui se faz e valorizar os recursos humanos que aqui se encontram, para que eles estejam preparados para continuar fazendo do Brasil um país de perspectivas”, afirmou.

Voltar ao topo